ensaio sobre Adão

Há cinco hipóteses. Primeira: Adão caiu.
Segunda: foi empurrado. Terceira: terá saltado. Quarta:
limitou-se a olhar por cima da orla, e um olhar silenciou-o.
Quinta: nada digno de nota aconteceu a Adão.

A primeira, segundo a qual caiu, é simples demais. A quarta,
o temor, experimentámo-la e achámo-la inútil. A quinta,
que reza nada ter sucedido, é grosseira. A opção fica entre
ter saltado ou haver sido empurrado. E a diferença entre
ambas

é apenas o problema de saber se os demónios
trabalham de dentro para fora ou de fora
para dentro: a magna
questão teológica.


Robert Bringhurst
a beleza das armas

Sem comentários:

Enviar um comentário